Bem-vindo à Indústria 4.0

IoT é a revolução que a Embraco incorporou no seu negócio

Mapa ilustrado com freezers e geladeiras inteligentes, conectadas a internet.

Pioneirismo no ramo de geladeiras e freezers gera redução de custos e aumento de vendas.

Empresas se interessam cada vez mais pelos comportamentos de seus consumidores, investem para conseguir tais informações: pesquisas, chatbots, etc. O meio de captação que têm uso crescente é a coleta através de objetos conectados.

A tecnologia de Internet das Coisas (IoT) é a nova estratégia utilizada pela Embarco, multinacional que há 46 anos atua no mercado de refrigeração doméstica e comercial, além de co-fundadora e membro do conselho diretor da Associação Brasileira de Internet Industrial (ABII) – entidade sem fins lucrativos que acompanha a aplicação da Internet Industrial das Coisas.

Técnico implementando placa controladora diili em uma geladeira.

Não coincidentemente que, com base em IoT, desenvolveram o diili (Data Information Insight Learning Intelligence). É uma tecnologia capaz de criar uma conectividade inteligente aos produtos de refrigeração. Além de verificar as condições técnicas do aparelho, poderá averiguar estoque, temperatura e informações sobre o gasto de energia.

Como funciona essa tecnologia?

O diili coleta informações dos freezers e geladeiras através de sensores e câmeras acoplados no aparelho e ambiente. Essas informações são enviadas para a nuvem (cloud), onde são analisadas e os resultados entregues ao proprietário, podendo ser acessados diretamente no celular ou pelo computador.

Com isso essa tecnologia esclarece comportamentos do consumidor, permitindo análises mais profundas sobre as marcas de bebidas e alimentos refrigerados que estão á venda.

Infográfico ilustrado do funcionamento do aplicativo de gestão do Dilli

Inteligência na indústria

Essa tecnologia é o novo aliado das indústrias de bebidas e alimentos: o diili também apresenta um ranking com geolocalização dos refrigeradores com suas performances de vendas. Uma nova possibilidade de garantir estoque e fazer entrega de ofertas customizadas.

“A partir da inteligência gerada pela plataforma, é possível, entre outras coisas, aumentar as vendas em até 15%; reduzir os gastos com manutenção em 10% e diminuir o custo com energia em 15%. Todos esses ganhos podem ser multiplicados por dezenas, centenas e até milhares de equipamentos espalhados em campo, um exemplo real de inovação que agrega valor e traz resultados efetivos ao cliente.”

Eduardo Andrade, vice-presidente de Pesquisa e Desenvolvimento e Novos Negócios da Embraco.

Outro fato interessante sobre essa tecnologia é sua aplicação: a Embraco desenvolveu um método que permite converter qualquer refrigerador disponível no mercado em um inteligente, ampliando as possibilidades de negócio e possibilitando a implementação do diili em diversos refrigeradores.

E você, o que acha de ter uma solução como esta implementada no seu negócio? Converse com o UOL DIVEO e comece seu projeto.

Converse com um especialista